O Castigo e a disciplina de Deus

 

Qual a diferença entre a disciplina e o castigo de Deus, o que a Bíblia diz a respeito, como é o castigo de Deus?

 

Primeiramente veremos os conceitos:

Castigo é sofrimento corporal ou moral infligido a um culpado. Pena, punição, mortificação, ralação.
Disciplina é submissão a uma regra, aceitação de certas restrições. Ensino, instrução, educação. Na disciplina pode estar envolvido sofrimento corporal ou não.

 

Comparativo entre castigo e disciplina

 
Castigo
Disciplina

Propósito

Infligir punição por uma ofensa

Instruir para correção e maturidade

Foco

Ações erradas passadas

Futuras ações corretas

Atitude

Hostilidade e ira por parte de quem aplica o castigo

Amor e preocupação por parte de quem aplica a disciplina

Emoção resultante

Medo, culpa e rancor

Segurança

Todos nós nascemos com tendências pecaminosas .

Eis que eu nasci em iniqüidade, e em pecado me concedeu minha mãe. Salmos 51:5
Chegamos todos a esta vida com um grande potencial para o mal e para o bem. Apesar de bebês não serem criaturas conscientemente pecadoras, nascem sob o pecado, com inclinação para o egoísmo, rebeldia e o mal. Em Provérbios 22:15 essa ideia é ampliada. A estultícia está ligada ao coração do menino; mas a vara da correção a afugentará dele. Provérbios 22:15.
Sei que estas afirmações da Bíblia contrastam com a ideia de que nascemos TOTALMENTE puros e bons ou pelo menos moralmente neutras, porém a Palavra de Deus é a verdade e não podemos orientar a nossa vida ou a criação dos nossos filhos baseado nessa ideia errada. Devemos sim orientar nossa vida e criação dos nossos filhos baseados na Palavra de Deus.
Baseado nesta premissa que todos somos pecadores é que a disciplina é usada para evitar o inferno. Não retires da criança a disciplina; porque, fustigando-a tu com a vara, nem por isso morrerá. Tu a fustigarás com a vara e livrarás a sua alma do Inferno. Provérbios 23:13-14.

O propósito da disciplina
Dar sabedoria (Provérbios 29:15 e Efésios 6:4)
Evitar que os pais sejam envergonhados (Provérbios 29:15)
Evitar de ir para o inferno (Provérbios 23: 13-14)
Evitar uma vida infeliz (Provérbios 19:18)

Deus não castiga os crentes

Deus castiga os não crentes por seus pecados. Mas todo o castigo de Deus para os pecados dos crentes foi sofrido por Cristo na cruz.
Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e esmagado por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. Isaias 53:5
Compare as seguintes passagens bíblicas e comece a ver a diferença entre o castigo que Deus aplica aos não cristão e a disciplina que Ele aplica a Seus filhos.

Para os filhos de Deus (disciplina):
Filho meu, não rejeites a disciplina do Senhor, nem te enojes da sua repreensão; porque o Senhor repreende aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a quem quer bem. Provérbios 3:11-12

Para os não-cristãos (castigo)
Eis que o dia do Senhor vem, horrendo, com furor e ira ardente; para pôr a terra em assolação e para destruir do meio dela os seus pecadores.
Pois as estrelas do céu e as suas constelações não deixarão brilhar a sua luz; o sol se escurecerá ao nascer, e a lua não fará resplandecer a sua luz.
E visitarei sobre o mundo a sua maldade, e sobre os ímpios a sua iniqüidade; e farei cessar a arrogância dos atrevidos, e abaterei a soberba dos cruéis. Isaias 13: 9 -11

Para os filhos de Deus (disciplina)
Eu repreendo e castigo a todos quantos amo: sê pois zeloso, e arrepende-te. Apocalipse 3:19

Para os não-cristãos (castigo)
E irão eles para o castigo eterno, mas os justos para a vida eterna. Mateus 25:46

Para os filhos de Deus (disciplina)
Assim também Cristo, oferecendo-se uma só vez para levar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para salvação. Hebreus 9:28

Para os não-cristãos (castigo)
...E a vós, que sois atribulados, alívio juntamente conosco, quando do céu se manifestar o Senhor Jesus com os anjos do seu poder em chama de fogo, e tomar vingança dos que não conhecem a Deus e dos que não obedecem ao evangelho de nosso Senhor Jesus; os quais sofrerão, como castigo, a perdição eterna, banidos da face do Senhor e da glória do seu poder... 2 Tessalonicenses 1: 7-9

Para os filhos de Deus (disciplina)
... e já vos esquecestes da exortação que vos admoesta como a filhos: Filho meu, não desprezes a correção do Senhor, nem te desanimes quando por ele és repreendido; pois o Senhor corrige ao que ama, e açoita a todo o que recebe por filho.
É para disciplina que sofreis; Deus vos trata como a filhos; pois qual é o filho a quem o pai não corrija?
Mas, se estais sem disciplina, da qual todos se têm tornado participantes, sois então bastardos, e não filhos.
Além disto, tivemos nossos pais segundo a carne, para nos corrigirem, e os olhávamos com respeito; não nos sujeitaremos muito mais ao Pai dos espíritos, e viveremos?
Pois aqueles por pouco tempo nos corrigiam como bem lhes parecia, mas este, para nosso proveito, para sermos participantes da sua santidade. Hebreus 12: 5-10

Para os não-cristãos (castigo)
Também sabe o Senhor livrar da tentação os piedosos, e reservar para o dia do juízo os injustos, que já estão sendo castigados; especialmente aqueles que, seguindo a carne, andam em imundas concupiscências, e desprezam toda autoridade. Atrevidos, arrogantes, não receiam blasfemar das dignidades... 2 Pedro 2: 9-10

No tratamento de Deus para com os homens, existe uma distinção bem clara entre o castigo como meio de ministrar a justa retribuição das más ações, e a disciplina que é destinada a promover o crescimento daquele que está sendo disciplinado.
Toda justiça pelo pecado do homem foi satisfeita em Cristo na cruz, quando aceitamos Jesus como nosso Salvador pessoal, não recebemos mais o castigo. O castigo é reservado para aqueles que não se apropriam do pagamento que Cristo deu pelos pecados.
...e a vós, quando estáveis mortos nos vossos delitos e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-nos todos os delitos;e havendo riscado o escrito de dívida que havia contra nós nas suas ordenanças, o qual nos era contrário, removeu-o do meio de nós, cravando-o na cruz... Colosenses 2:13-14
Isso não quer disser que Deus não discipline, reprove e corrija Seus filhos. Certamente o faz. A diferença é que disciplina não é um meio de justiça. A justiça já foi feita. A disciplina é o modo que Deus usa para fazer Seus filhos amadurecerem. Disciplina é instrução ou treinamento dado para corrigir.
Infelizmente, a maioria das traduções bíblicas usa “disciplina” e “castigo” como sinônimos, consequentemente, algumas passagens parecem dizer que Deus está castigando os crentes, quando isso não existe.

Conclusão


E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. Romanos 8:28
Aos que aceitaram a Jesus, creiam sempre que todo acontecimento, bom ou pesaroso vai redundar em aprimoramento e benção. Quanto aos que ainda não aceitaram Jesus, os braços de Cristo estão aberto para o receber a qualquer momento e se tornar um irmão em Cristo.
Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós cada vez mais abundantemente um eterno peso de glória. 2ª Corintios 4:1

Por Rubens Silva Aguiar
Editor@jacuipenoticias.com
Voltar a página inicial
Comentários:

Graças a Deus que nos revela a verdade, sempre disse a outros que Deus castiga seus filhos porque os ama, mas confesso que foi na minha ignorância hoje entendo a diferença entre Castigar e Disciplinar. sou grato a Deus por vocc existir e ensinar ainda que virtualmente.

AFONSO EVANGELISTA DE PAIVA - Juiz de Fora - MG


ola boa noite!
Bem como esta escrito em cima meu nome é Thaianne sou da segunda igreja batista em bonsucesso rio de janeiro e o motivo do meu contato é agradecer por esse estudo tao lindo e bem esplicado que DEUS continue ti usando ...
graça e paz .....